30/06/2020

Alunas ganham Prêmio Jovem Cientista com telha sustentável

  Voltar
R7 - Educação 

Ana Costa e Julia Santana são estudantes da Etec e receberam o primeiro lugar em ciências da terra entre os mais de 284 projetos finalistas

A edição 2020 da Feira Brasileira do Jovem Cientista (FBJC), concurso voltado a estudantes do ensino médio de todo o Brasil que aconteceu virtualmente entre os dias 26 e 28 deste mês, ficou com duas estudantes da Etec (Escola Técnica de Estadual) de São Paulo. Elas desenvolveram uma telha feita de fibra de coco verde, que capta energia solar.

Ana Costa e Julia Santana, que frequentam o curso técnico de química integrado ao ensino médio da Etec Irmã Agostina, localizada na zona sul da capital, ficaram com o primeiro lugar em Ciências Exatas e da Terra, além do Prêmio de Excelência em Pesquisa da competição.

As alunas a tiveram como objetivo criar uma telha feita a partir da fibra da casca do coco verde e com embalagens recicladas, com o propósito de substituir as telhas de amianto — um material considerado cancerígeno.

Além de ser sustentável, a telha produz energia solar através da pigmentação condutora para reduzir a necessidade de produção de energia.

Foram mais de 284 projetos finalistas em 8 categorias, que vão de linguística e artes até engenharia. A competição ocorreu de maneira 100% virtual. Além do prestígio, os estudantes também foram contemplados com bolsas de estudo e incentivo à pesquisa.

Os organizadores da competição destacam que esta edição foi marcada pelo avanço da diversidade entre os participantes. As meninas correspondem a 50% das inscrições. Mais de 40% se identificam como pretos, pardos, amarelos ou indígenas e mais de metade das instituições que se inscreveram são escolas públicas.
  Voltar
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok