17/08/2020

Aneel autoriza 315 MW renováveis

  Voltar
Brasil Energia 

Usinas solares, eólicas e uma biomassa foram autorizadas para serem implantadas no Piauí, Ceará, Pernambuco e Mato Grosso do Sul

A Aneel autoriza na reunião de diretoria de terça-feira (18/08) a implantação e exploração de 315 MW de fontes renováveis. Estão na pauta os atos autorizativos para projetos da Enerside Energy, Aliança energia, Canadian Solar e Usina Laguna.

Em Ribeiro Gonçalves, no Piauí Ribeiro, foram autorizadas as usinas solares Gonçalves V, VI, VII e VIII, que somam 127,3 MW. A responsável pelos projetos, Ribeiro Gonçalves Energia Solar SPE, é controlada pela Enerside Energy. Os empreendimentos estavam cadastrados para participar do leilão A-4 programado para este ano. A operação comercial está prevista para agosto de 2023.

Já a Aliança Energia foi autorizada a implantar e explorar a central eólica Gravier, localizada no município de Icapuí, no Ceará, de 71,4 MW. O investimento, de acordo com a companhia, é estimado em R$ 294 milhões. O parque tem acordo de fornecimento com a WEG, com aerogeradores de 4 MW. A previsão de início da operação comercial é entre novembro de 2021 e março de 2022.

A Canadian Solar recebeu autorização para centrais fotovoltaicas Xaxado 1, 2, 3, que somam 96 MW, e estão localizadas no município de São José do Belmonte, em Pernambuco. O início da operação comercial das unidades geradoras está previsto para janeiro de 2022.

Usina Laguna, localizada em Batayporã, no Mato Grosso do Sul, recebeu autorização para uma ampliação da UTE Laguna, de 2,4 MW para 21,2 MW. O prazo para operação comercial é de 36 meses após a autorização.
  Voltar
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok