30/12/2020

Prédio IDEA Bagé, em Porto Alegre, terá energia solar

  Voltar
Reportagem publicada no Portal Solar

O prédio residencial mais sustentável do Brasil será construído em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, o IDEA Bagé, com uma série de diferenciais exclusivos, entre elas um sistema de painéis fotovoltaicos com capacidade de gerar toda a energia elétrica necessária para manter a área condominial do prédio e ainda abastecer em torno de 30% da energia dos apartamentos. A perspectiva é de economizar mais de R$ 8 milhões para o condomínio ao longo da sua vida útil.

O sistema fotovoltaico instalado no IDEA Bagé irá gerar 400% da energia necessária para a área condominial. A conta de energia do condomínio só não será zerada porque a distribuidora de energia cobra uma taxa mínima mensal de 100Kw, R$ 85,00 em valores de hoje. O gasto mensal com eletricidade do condomínio seria em torno de R$ 1.200,00 sem as inovações, então, a economia mensal será de R$ 1.120,00. A energia excedente da consumida pelo condomínio, será distribuída para os apartamentos.

Os gastos com energia elétrica dos apartamentos do IDEA Bagé também vão cair, já que o excedente gerado pelo sistema de painéis fotovoltaicos será distribuído entre os apartamentos. Pelo projeto, o sistema painéis fotovoltaico gerará de 150 a 200Kw de energia elétrica, mensalmente, para cada apartamento, proporcionando uma redução na conta de energia elétrica mensal de aproximadamente R$ 130,00. Além disso, o sistema de vidros duplos insulados nos dormitórios e fachada termicamente eficiente deve reduzir em 40% o consumo de energia elétrica pelos aparelhos de ar-condicionado, trazendo uma economia mensal média de R$ 100,00.

Entre outras características, o prédio terá sistema de aquecimento de água central com energia solar, aplicação de Internet das Coisas (IoT) para o consumo consciente de água e energia, fachada autolimpante e termicamente eficiente, coleta da água gerada pela condensação dos aparelhos de ar-condicionado e da chuva para utilização em irrigação, espera individual para carro elétrico em todos boxes do estacionamento.

Além de ser eco friendly, o edifício, que alia tecnologia e automação, também fará diferença no bolso dos moradores. Os engenheiros responsáveis pelo projeto estimam uma economia total para o condomínio R$ 8.099.000,00, equivalente a R$ 933.220,00 para cada uma de suas unidades ao longo dos 50 anos de vida útil do prédio.

De acordo com Renato Turquenitch, arquiteto e sócio da Capitânia, empresa responsável pelo empreendimento, o IDEA Bagé avança o conceito IDEA de sustentabilidade, que agrega inovação e diferenciais exclusivos em prol de construções com consciência ambiental. “A tecnologia sustentável é duplamente benéfica, pois garante economia de recursos e de dinheiro para os moradores”, afirmou.

Há diversos exemplos que unem ambas as frentes: o sistema de aquecimento de água central que usa a energia do sol para gerar água quente, instalação de mais de 100 metros quadrados de painéis fotovoltaicos para geração de energia elétrica e utilização de lâmpadas LED em toda área condominial, portaria autônoma virtual.

Além disso, a aplicação de Internet das Coisas (IoT) permitirá ao morador acompanhar em tempo real, via aplicativo instalado em seu smartphone, o consumo de água, gás e energia de seu apartamento e do prédio. Os vidros duplos insulados nos dormitórios, vidros “habitat” nas salas e esquadrias vedadas com cremona de pressão diminuem o consumo de energia para condicionamento térmico e amplas esquadrias em todas as dependências diminuem a necessidade de uso de iluminação artificial e, consequentemente, gasto de energia elétrica durante o dia.
  Voltar
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok