Área de associados Trabalhe no setor solar

Enel prorroga inscrições para financiamento de projetos de eficiência energética

12/01/21 | São Paulo

ABC do ABC 

A Enel Distribuição São Paulo, maior concessionária de energia elétrica do Brasil, prorrogou o prazo para que clientes de todo o estado possam inscrever seus projetos no financiamento do Programa de Eficiência Energética. Até 10 de fevereiro, clientes das classes residencial, comercial e serviços, industrial, rural, poder público, serviço público e iluminação pública que atendam aos requisitos descritos no edital poderão realizar sua inscrição para participar da seleção. Ao todo, a distribuidora anunciou R$ 10 milhões para o financiamento de projetos com foco no consumo eficiente de energia elétrica, gerando redução nas contas.

Para participar, os projetos a serem submetidos precisam estar entre R$ 500 mil e R$ 2 milhões e devem contemplar temas como troca de equipamentos por modelos mais eficientes, modernização de sistemas motrizes, instalação de aquecedores solares e sistemas fotovoltaicos, modernização de sistemas de iluminação e refrigeração, entre outros. A execução dos projetos selecionados está prevista para ocorrer entre os anos de 2021 e 2022. A chamada pública torna mais transparente e democrático o processo de escolha dos projetos e obras beneficiados pelo programa. O edital está disponível para consulta dos interessados no site da CPP (https://enel.chamadapublica.com.br/).

Na última chamada pública, em 2019, foram selecionados projetos de eficiência energética em iluminação pública, troca de lâmpadas, climatização com substituição de aparelhos de ar-condicionado, troca de equipamentos diversos e construção de usinas de energia solar, entre outros. O Programa de Eficiência Energética da Enel Distribuição São Paulo existe desde 1999 e já investiu aproximadamente R$ 928 milhões em 388 projetos com foco no consumo eficiente de energia em equipamentos, instalações elétricas, processos, ações educacionais e usos finais de seus clientes.

No fim do ano passado, a Enel promoveu o Workshop On-Line de Chamada Pública de Projetos com o intuito de explicar como funciona a CPP e como os consumidores podem participar da iniciativa.

Como se dá a seleção?

A CPP 2020 será realizada em apenas uma fase. Os projetos inscritos passam por uma análise e classificação, que leva em conta a documentação obrigatória requerida, a qualidade das iniciativas e a pontuação atingida de acordo com os critérios estabelecidos no edital.

A classificação dos projetos habilitados segue metodologia definida pela ANEEL, por meio de uma Comissão Julgadora, que irá analisar e pontuar os projetos submetidos de acordo com os critérios estabelecidos em edital.

Sobre o projeto

O PEE da Enel Distribuição São Paulo é regido pela Lei n° 9.991, de 24 de julho de 2000, e regulamentado pela Aneel. A legislação determina que distribuidoras de energia apliquem anualmente 0,4% de sua receita operacional líquida anual no desenvolvimento em ações de eficiência energética no uso final de energia elétrica, através de projetos executados em instalações dos consumidores.

Ao assumir um compromisso público com seis dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU, o projeto da distribuidora, Enel Compartilha Eficiência, coloca em prática uma iniciativa que colabora com a melhoria da eficiência energética, impulsionando o ODS de número 7, que consiste em assegurar energia confiável, sustentável, moderna e a preço acessível para todos.

Chamada Pública de Projetos (CPP) de Eficiência Energética

Inscrições prorrogadas – até 10 de fevereiro

Site da CPP – https://enel.chamadapublica.com.br/.